Floricultura

Com o crescimento do interesse da população urbana pelo turismo rural, as propriedades rurais, especialmente as localizadas próximas aos grandes centros, passaram a ter uma excelente oportunidade de explorarem este potencial turístico, integrando-se aos já tradicionais circuítos. Mais recentemente as caminhadas ecológicas ou caminhadas da natureza passaram a multiplicar-se pelas mais diversas localidades, e como não poderia deixar de ser, as áreas rurais fazendo parte destes percursos.
Com a ida da população urbana a zona rural, participando destes eventos, abrem-se também outras possibilidades, como por exemplo, a venda direta de produtos coloniais a este público.Porém, faz-se necessário que os agricultores voltem sua atenção ao aspecto visual, paisagístico da propriedade, o que logicamente requer conhecimento na área de produção de flores e sua inserção no paisagismo local.
Além deste aspecto, segundo o último levantamento da Secretaria da Agricultura e do Abastecimento (Seab), nos últimos dez anos a produção de flores cresceu 324% no Paraná. A floricultura é uma atividade que exige produtores tecnificados, mão-de-obra qualificada e investimentos, para que se tenha retorno garantido. A renda anual com a produção de flores, por hectare, supera a maioria das culturas tradicionalmente cultivadas.
A atividade utiliza um espaço pequeno e de algumas espécies pode-se ter até 4 safras anuais, com rendimento de até R$ 60,00 por metro quadrado no ano, o que possibilita uma ótima alternativa de renda para a agricultura familiar.
Muitos são os exemplos de produtores dos segmentos tradicionais de hortaliças e agricultura de subsistência que aderiram a Floricultura. O produto não é vendido só em datas especiais, mas durante todo o ano.O grande desafio aos produtores de flores no Paraná, é justamente as boas práticas agroecológicas, pois muitos são os casos de uso indevido de produtos químicos e adubação sem critérios técnicos, sabe-se que esta atividade pode ser conduzida com o emprego dos princípios agroecológicos, controle alternativo de pragas e técnicas menos agressivas ao meio ambiente.

Com o objetivo de proporcionar uma oportunidade de aprendizado sobre o tema, o Centro Paranaense de Referência em Agroecologia promove o Curso de Floricultura Básica.

Informe-se, divulgue e participe:: capacitacao@cpra.pr.gov.br
Recomendar esta página via e-mail: